Saúde alerta população sobre os cuidados com a saúde bucal infantil

A Secretaria de Estado de Saúde (SES/MT) alerta a população para higienização bucal das crianças antes mesmo da primeira dentição. Para evitar problemas futuros, neste processo é fundamental a conscientização dos pais e responsáveis.  A boa saúde bucal está associada a cuidados diários.

É importante a atenção com a prevenção de cáries causadas pelo uso da mamadeira, isso por que o uso frequente com líquidos que contém açúcar (leite, sucos, remédios) acumulam resíduos no palato (“céu da boca”) e no aparecimento dos primeiros dentes irão prejudicar o bem estar bucal.

Associados a estes cuidados está também à amamentação noturna, deixar a criança dormir sem limpar os dentes pode provocar o aparecimento de cáries na fase de desenvolvimento da primeira dentição.

A higienização em crianças entre 0 e 2 anos deve ser feita com um pano macio e limpo, umedecido em água morna. O responsável deve limpar toda a gengiva, principalmente o palato e língua.

Na fase dos primeiro dentes, a limpeza deve ser feita com escovas de cerdas macias e pasta de dente infantil.  Já com a dentição completa, as crianças até os 12 anos devem habituar-se a escovação frequente, uso de fio dental e antisséptico bucal, visto que os dentes primários, chamados “dentes de leite” também são propícios à cáries. Toda higienização e escovação deve ser feita após as refeições, em qualquer idade, prevenindo assim o surgimento de cáries e tártaros.

Os primeiros dentes são fundamentais para o desenvolvimento bucal saudável e a Secretaria de Estado de Saúde (SES/MT) junto com o Ministério da Saúde, municípios e equipes de Saúde da Família, reforça esta ação e a atenção a Saúde Bucal Infantil.

Dados do Ministério da Saúde (MS), em uma Pesquisa de Saúde Bucal, revela o avanço no cuidado à saúde bucal infantil. Em 2003, 32% das crianças com 12 anos estavam livres das cáries, já em uma pesquisa de 2010, esses números foram para 44%.

DAYANNI IDA

Responder

comment-avatar

*

*