Seduc e prefeitura de Canarana discutem demanda da EE 31 de Março

A convite da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer (Seduc), o prefeito de Canarana (a 823 km de Cuiabá), Fábio Faria, participou na tarde desta terça-feira (28.11) na sede do órgão, em Cuiabá, de reunião com a equipe técnica para discutir a situação da Escola Estadual 31 de Março.

Recebido pelo secretário executivo da pasta, Nelson Correa Viana, o prefeito conheceu o modelo de salas modulares isotérmicas, que serão utilizadas na construção de um novo prédio para abrigar a comunidade escolar da unidade, até que a obra na escola seja concluída.

Durante a reunião, o prefeito apresentou terrenos que poderiam receber a estrutura, entre eles, o espaço de cerca de 5 mil m2 ao lado do Ginásio Pedro Cancian, no centro da cidade.

“Este local, que será cedido pela prefeitura, se apresenta o mais adequado para atender os estudantes, já que possui infraestrutura de água, energia e o próprio ginásio para as atividades físicas. Além disso, é viável no que diz respeito à distância da região onde eles residem, sendo necessário um tempo menor de deslocamento”.

O secretário executivo Nelson Viana destacou que a equipe de engenheiros da Seduc realiza simulações e levantamentos de custos para a obra e que a expectativa é que as salas estejam completamente instaladas para o início do ano letivo de 2018.

“Ao todo serão 16 salas de aula, salas para diretoria e professores, secretaria, biblioteca/informática, além de toda a estrutura necessária para o bom funcionamento da unidade, como banheiros, cozinha e refeitório”.

A proposta será apresentada pela administração municipal à comunidade escolar em reunião na noite desta quarta-feira. A ideia é mostrar a viabilidade do projeto e obter a aprovação de todos.

Primeira escola

Em funcionamento há cerca de 40 anos, o prédio onde funcionava a unidade originalmente apresentou problema de estrutura.

Por decisão da comunidade escolar, em assembleia realizada no dia 26 de janeiro de 2017, que contou com a participação do Conselho Deliberativo da Comunidade Escolar (CDCE), profissionais, pais e assessoria pedagógica, a escola foi transferida para o Parque de Exposições da cidade, onde está instalada até o momento.

Porém, a estrutura física do local apresentou problemas e não está atendendo satisfatoriamente às necessidades dos estudantes. Fato que exige nova transferência de local.

Centro Integrado

A Seduc reforçou ainda que a comunidade escolar da EE 31 de Março será contemplada com Centro Integrado Escola-Comunidade (Ciec), considerado um projeto que promove a mudança na base social por meio da educação e da segurança comunitária.

“O projeto está em andamento e a licitação será publicada em um prazo máximo de 60 dias. Será uma nova estrutura para assegurar educação de qualidade a cada dos alunos”, frisou o secretário executivo.

Viviane Saggin | Seduc-MT

Responder

comment-avatar

*

*