Suiá Missu: Princípio de confronto no Posto da Mata deixa moradores apreensivos, BRs estão bloqueadas

As BRs 158 e 242 estão bloqueadas desde a tarde deste domingo, os produtores e moradores do Posto da Mata e da região da Suiá Missu estão resistindo a desintrusão feita por agentes da Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal, Força Nacional e Exército desde o último dia 10 de dezembro.

De acordo com o produtor Paulo Gonçalves que está no Posto da Mata a decisão de manter as BRs fechadas foi tomada pelas pessoas que não vão sair da área. “As BRs estão bloqueadas e não há previsão para serem abertas, a intenção é de chamar a atenção das autoridades para o descaso com o que estamos vivendo aqui no Araguaia, não temos a quem pedir socorro, não existe OAB, Direitos Humanos, Pastoral da Terra, nada não temos a quem contar as atrocidades que estão acontecendo aqui, para você ter ideia até hoje não existe um local para colocar as famílias que estão sendo retiradas das áreas, é uma situação desesperadora, tem muita gente que tem só essas terras para viver, isso tudo é um absurdo eu já vi muita coisa, mas isso que está acontecendo aqui é inadmissível”, desabafou Paulo que é produtor e que também tem áreas dentro da Suiá Missu.

Apesar de os agentes estarem fazendo a desintrusão, através de uma Sentença que é provisória ainda cabe recurso na Justiça no Supremo Tribunal Federal, e é nessa esperança que os produtores estão agarrados, para eles ainda existe uma chance, uma liminar que poderia cancelar a desintrusão. “Nós acreditamos que tudo isso ainda pode ser modificado, acreditamos que o Presidente do STF o Ministro Joaquim Barbosa é um homem justo e temos fé que ele vai nos dar pelo menos a chance de mostrar que existe algo muito errado por aqui”, disse o vice Prefeito de Alto Boa Vista Osvaldo Levino dos Santos conhecido como Nivaldo do Posto da Mata à reportagem do Agência da Notícia.

Neste domingo a tarde mais um princípio de confronto, de acordo com alguns moradores que estavam no Posto de Combustível no distrito, que um grupo de policias tentou furar o bloqueio da BR 158, os produtores tentaram impedir, e a Polícia teria usado bombas de gás lacrimogênio e deram tiros usando balas de borracha, o que causou mais medo na população que prepara uma ceia de natal para a noite do dia 24, véspera de natal. Os policias seguiram para o Alto Boa Vista e os produtores afirmaram que vão continuar no local, para evitar que a Polícia haja no Posto da Mata onde mais de 3 mil pessoas moram no local. O clima é tenso, e a polícia frequentemente faz voos de helicópteros sobre o Posto de combustível onde está o pessoal.

O Agência da Notícia está trabalhando na cobertura completa da desintrusão da Suiá Missu e mantem uma equipe na região do Posto da Mata desde o último dia 06 de dezembro.

agenciadanoticia.

Responder

comment-avatar

*

*