Suspeito de ser o mandante do assassinato de prefeito teve seu carro alvejado

Escrito por RNA TV com Água Boa News

O suspeito de ser o mandante do assassinato é o ex-assessor jurídico e considerado o “braço direito” de “Quatro Olhos”, Acácio Alves Souza,(foto) que teve a prisão decretada pela Justiça.

Conforme foi noticiado no telejornal da Record Norte Araguaia no dia 23/02/2011 o momento mais crítico da briga entre prefeito e o ex-assessor jurídico da prefeitura foi no início do ano, quando Acácio teve sua caminhonete alvejada a tiros.

Ele denunciou Quatro Olhos como o responsável pelo ataque, revelando ter sofrido ameaças pelo grupo do prefeito.

 Reveja a matéria exibida na RNA Noticias

O suspeito está foragido desde que as investigações levaram ao seu nome.

Ele chegou a entrar em contato com polícia se dispondo a se apresentar espontaneamente.

Porém, como ainda não se apresentou, a Polícia Civil pediu sua prisão preventiva, que já foi decretada pela Justiça.

O crime foi elucidado com a prisão dos executores do assassinato Luciano Vieira, 31, preso no domingo (7) em Bom Jesus do Araguaia (983 km ao Nordeste de Cuiabá), e de Alexandre Silveira Barbosa, 35, o Magrão.

Segundo apontou as investigações, Luciano e Magrão tinham relacionamento próximo com o ex-assessor do prefeito.

Antes do crime, eles já estiveram na cidade e participavam de pescaria com Acácio. O motivo para o crime, segundo a polícia, seria um desentendimento entre Quatro Olhos e o então assessor jurídico.

Após a briga, Acácio migrou para a oposição e passou a fazer ataques a gestão do prefeito assassinado.

Responder

comment-avatar

*

*