Três acusados de torturarem idosos são presos; menor de idade envolvido

A polícia agiu com rapidez e prendeu três dos quatro acusados de espancarem dois idosos, terça-feira (19), em Aragarças-GO, divisa com Barra do Garças. O crime chocou a região pela crueldade, pois os aposentados levaram vários chutes, murros e foram riscados com objeto pontiagudo e permaneceram por mais de quatro horas amarrados.

As vítimas Américo Estevão da Silva, 70 anos, e Marieta Borges Mariano, 67 anos, estão internados com graves ferimentos no hospital Getúlio Vargas.

Foram detidos os suspeitos Suelen, Juliano e o menor “L”, quarta-feira (20), num excelente trabalho das Polícias Militar e Civil. Na casa da mulher foram apreendidos uma espingarda, duas facas, dois canivetes e um simulacro de um revólver e a televisão subtraída na casa dos aposentados, num assentamento agrário próximo ao lixão de Aragarças.

O quarto envolvido, Ordeci Pereira dos Santos, 32 anos, conhecido como Bagaceira, está foragido. Segundo os demais suspeitos, a idéia de invadir a casa e praticar o assalto partiu do Bagaceira, que antes esteve na casa das vítimas verificando se eles estavam sozinhos ou não com a pretexto de colocar um aparelho celular para carregar.

Os acusados estavam atrás de dinheiro dos aposentados. Durante esse período, as vítimas foram obrigadas a fazer comida para os agressores, que ainda jogaram gasolina ameaçando atear fogo nos idosos.

Suelen confirmou que estava com os demais, mas alega que não agrediu os aposentados. Olhar Direto

 

Responder

comment-avatar

*

*