Unidade Prisional de NX oferece ensino regular e cursos profissionalizantes aos recuperandos; confira

A sala de aula construida nas dependências da Unidade Prisional de Nova Xavantina, que teve sua aula inaugural em março deste ano, está oferecendo ensino regular nos períodos matutino e vespertino e concluiu dois cursos profissionalizantes neste primeiro semestre de 2.014.

Segundo o Diretor da Unidade, Joaquim Souza Lima, a ação faz parte dos resultados do Fórum Mato-Grossense para Modernização e Humanização do Sistema Penitenciário acontecido em 2.013, no qual todas as unidades prisionais do Estado se comprometeram a implantar cinco ações concretas neste sentido em seus respectivos municípios.

Em Nova Xavantina, a sala de aula foi construída pelos recuperandos e desde março oferece ensino fundamental em dois períodos: de manhã – 1º Segmento – do 1º ao 4º ano; e 2º Segmento, do 5º ao 9º ano, no período da tarde.

As professoras da SEDUC que atuam no projeto são Edilene Ferreira Fonseca e Ana Lúcia Alves Lopes, que ministram aula para cerca de vinte alunos em cada turma. No total, a unidade está atualmente com 43 recuperandos em suas dependências.

                                                  PRONATEC/SENAI

Segundo a professora Edilene, o programa é o Escola Nelson Mandela, criado pelo governo Lula para promover políticas públicas de ressocialização dos recuperandos. O projeto foi aplicado em todo o Estado, estando implantado também em Cuiabá e outros municípios.

Além do ensino normal, aconteceram neste primeiro semestre de 2.014 os cursos profissionalizantes do PRONATEC/SENAI de Pintor de Obras e Pedreiro de Revestimento de Argamassa (foto), que começou com quarenta participantes, depois com alguns alvarás de soltura e transferências, baixou para trinta, que obtiveram diploma de formação profissional.

A oba da sala de aula foi feia com doações e parcerias, segundo o diretor Joaquim, como a Defensoria Pública e Prefeitura Municipal. Falando  ao site IN,  Joaquim solicitou aos empresários da cidade que quiserem fazer doações para ajudar o projeto, que o façam  em material escolar –cadernos, lápis, caneta, etc.- que seria muito bem vindo.

Na sala de aula, conforme a reportagem pode notar, falta um bebedouro, quadro negro melhor e, segundo as professoras, carteiras escolares em duas peças. Veja fotos das atividades escolares na unidade Prisional de Nova Xavantina:

Autor: Ezio Calanca Garcia – Jornalista e Editor
Crédito (foto): Joaquim S. Lima

Responder

comment-avatar

*

*